18 março 2016

O substituto - Philippa Gregory


O substituto foi escrito por Philippa Gregory, publicado pela Galera Record e possui 272 páginas.

Luca Vero é um jovem que foi expulso do monastério acusado de heresia mas muitos acreditam que ele foi uma criança trocada vindo do sangue das fadas. Ele é um jovem muito bonito e inteligente e por ser muito inteligente ele é recrutado pela Ordem da escuridão para fazer inquisições por vilarejos e descobrir se tem algo de errado.

O primeiro lugar em que Luca vai fazer a inquisição é uma abadia que está virada de ponta cabeça. As freiras estão tendo visões, sonhos e comportamentos estranhos indicando que alguma força do mal se encontra naquele ambiente. Muitas delas dizem que tudo começou após a chegada de Isolde e sua amiga Ishraq.

Então Luca Vero tem a responsabilidade de descobrir se de fato essas coisas estranhas que acontecem são sobrenaturais ou se tem alguém por trás disso. O problema é que Isolde, a garota misteriosa começa a mexer com seu coração e se ela for mesmo culpada, será Luca terá coragem de mandá-la para fogueira para ser queimada como uma bruxa?


Como essa história de passa no ano de 1453 a igreja católica tem forte influência sobre as coisas que acontecem nos vilarejos. O livro tem muitas cenas machistas e muitos diálogos envolvendo Deus, crença e bíblia. Como eu não sou apegada a religião achei essas partes bem chatas e cansativas.

Mas como essa época a mulher era muito submissa aos homens foi legal ver que Isolde e Ishraq são personagens fortes e feministas lutando pelo direito de ser mulher e fazer o que bem entender. Outra coisa interessante nesse livro é ver como muitas vezes a igreja é corrupta e mentirosa. 


Eu vi que a autora é bem famosa e bastante elogiada por outros livros mas achei que esse aqui não serviu tão bem para mim. Quando eu peguei o livro para ler estava imaginando algo com magia mas pensava em algo leve e quando peguei para ler vi cenas tensas envolvendo freiras enlouquecidas.

Como é o primeiro livro de uma série imagino que ainda deva melhorar no decorrer da história mas como foi um livro mediado para mim não sei se vou dar continuidade. Mas se você curte esse tipo de história acho que o substituto pode te agradar.

Você pode comprar o livro através deste link e ajudar o blog a ganhar uma pequena comissão pela venda. :)

Acompanhe também no:


Facebook ♥ Twitter ♥ Instagram ♥ Skoob ♥ Lojinha
  1. Acho interessante livros com esse tema, achei bem obscuro a ideia de encontrar freiras enlouquecidas e presenciar toda essa questão da sociedade da época e do poder da igreja. Fiquei curiosa para conhecer mais da história! Beijos!

    Colorindo Nuvens

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, é bem obscuro!
      Mesmo eu não tendo gostado muito, é uma história bem interessante para conhecer mais sobre o que acontecia naquela época. :D

      Beijo!

      Excluir
  2. Eu já li vários livros que abordam religiões, justamente por não ser apegada a isso sabe? rs Apenas absorvo as informações ^^
    Não sei se leria, mas confesso que fiquei curiosa rs

    www.saidaminhalente.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então somos duas! Também não sou apegada e acho que é por isso que certos livros não servem para mim. :P

      Beijo!

      Excluir
  3. OI Beatriz, achei o livro meio obscuro, mas interessante. bjiimm

    www.colorindoavidaa.com
    FAN PAGE

    ResponderExcluir
  4. Ainda não li nada da Philippa Gregory mas tenho muita curiosidade. Estou de olho na série dela "A Guerra dos Primos" que é pré Tudor, deve ser muito incrível! Ainda não conhecia esse livro que resenhou e já fiquei curiosa, vou procurar para ler. <3
    Um beijo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu vi o pessoal comentando sobre essa série e pareceu ser bem interessante. Mas acho que fiquei com o pé atras com os livros da autora. :x

      Excluir
  5. Tenho curiosidade para conhecer essa autora, mas devo confessar que esse livro em especial não me parece o ideal para começar. Não fui muito com a cara da sinopse, se é que isso faz sentido, hahahahaha.
    Beijos
    Mari
    www.pequenosretalhos.com

    ResponderExcluir
  6. Não conhecia o livro e nem a autora, mas a resenha me chamou a atenção.
    Vou ver se coloco na minha lista de leituras (:
    Beijos!
    Ludi, https://pseudoaleatoriedade.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  7. Também não sou lá muito apegada a religião e livros que tratam sobre o tema tendem a me entediar quando tem partes muito extensas sobre o assunto. Mas o enredo em geral me interessou bastante, não sou de ler muito livros que se passem tão no passado, porém parece uma experiência válida haha

    Obstrelando

    ResponderExcluir