31 agosto 2015

Eu, você e a garota que vai morrer - Jesse Andrews


Eu, você e a garota que vai morrer foi escrito por Jesse Andrews, publicado pela Rocco e possui 288 páginas.

Esse é mais um livro sobre câncer mas não tem nada de uma pessoa com câncer que se apaixona por outra e depois uma morre e todo mundo fica triste. É algo a mais e é diferente.

Greg Gaines é um garoto que gosta de filmes, filmes antigos, filmes clássicos, qualquer tipo de filmes. Ele tem um melhor amigo que é briguento, baixinho e fumante, e eles gostam de filmar e recriar cenas favoritas de alguns filmes que assistem juntos.

A garota que vai morrer é Rachel que foi diagnosticada com câncer e como não tem muitos amigos, a mãe Denise, resolve pedir ajuda ao Greg para poder animar a garota nos dias difíceis de tratamento que terá pela frente.

Greg já foi amigo de Rachel, começou a ignorar ela há um bom tempo e agora ele tem a missão de animar a menina que um dia jé teve uma quedinha por ele. O problema é que ele não tem tanta intimidade assim e o clima entre os dois também não é dos melhores. Pensando em formas de animar Rachel, ele junto com Earl decidem criar um filme para a garota que vai morrer.


O livro foi uma grande surpresa pra mim por que 1) eu achava que fosse um livro de chorar, 2) ele é um livro muito engraçado e diferente, 3) todo mundo deu uma nota baixa para esse livro e 4) eu amei.

Como eu já disse, esse não é um livro como a culpa é das estrelas que depois de ler você vai querer deitar em posição fetal e chorar por três dias. Jesse Andrews conseguiu escrever um livro com um tema pesado mas que ficou muito leve e divertido.

É uma história sem floreios e que fala do câncer do modo que ele é. Uma doença terrível e brutal que abala muito a vida do paciente e que em muitas vezes resulta em morte.


Eu, você e garota que vai morrer fala de amizade e amadurecimento dos personagens. Greg muitas vezes tinha atitudes infantis mas eu percebia que ele estava se esforçando para fazer Rachel um pouco mais feliz. Ao longo do tempo também é possível ver que o garoto amadurece e a amizade um pouco estranha e conturbada com Earl também passa por algumas mudanças.

Está longe de ser o melhor livro do mundo mas foi uma história que me cativou e eu achei tão legal, tão engraçado e tão sem noção que acabei dando 5 estrelinhas, haha. 

Acompanhe também no:


  1. Olá, Beatriz.
    Sua resenha me chamou bastante a atenção. O livro me pareceu uma boa aposta, principalmente porque se afasta do ícone do gênero que faz parte: A Culpa é das Estrelas. Além disso, o fato do autor tratar um assunto complexo de maneira leve me faz querer a obra também.

    Excelente resenha.

    Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de agosto. Serão dois vencedores.

    ResponderExcluir
  2. Pelo título imaginei que seria uma história super triste, já que lidar com a morte de um personagem que gostamos não é nada fácil e estou numa fase de fugir de dramas mais pesados rs!

    Mas, pelo o que entendi, a trama é completamente diferente dessa primeira impressão que nos transmite! Parece uma história super suave, legal transformar um tema pesado em algo mais leve! Adorei a resenha e amei o pikachu da primeira foto!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, é bem diferente daquele drama todo que a gente está acostumado, haha. Achei bem legal e divertido. ♥

      Beijo!

      Excluir
  3. Oi Beatriz!

    Gosto de livros que retratam doenças, mas né, está um pouco cansativo essa coisa de câncer, um romance, uma morte e choros e mais choros. Muito bom saber que este livro é diferente. E realmente, não vejo muitas críticas positivas sobre Eu, Você e a Garota que Vai Morrer. Muito legal saber que você gostou, dá aquele gás para ler.

    Beijo!
    http://www.roendolivros.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também já estou meio cansada de livros assim. Tô tentando mudar mas confesso que sempre acabo lendo algo do tipo, haha. :P

      Excluir
  4. Eu também pensei que fosse triste hahaha
    Já estava na minha lista de livros que eu quero, e agora mais do que nunca.
    Amei o post!

    Até mais, http://h-eymari.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Pelo titulo, eu também sempre pensei que fosse uma história triste, fiquei surpresa em saber que não é. Adorei a resenha! Beijoos

    ResponderExcluir
  6. Ai que bom que estou lendo mais resenhas positivas a respeito do livro. Quando ele saiu, eu fiquei mega empolgada! Achei a capa linda, o nome legal e a história interessante.. Aí a galera começou a falar mal e eu "jura?" hahaha! Mas eu ainda acho que vou gostar e você gostou bastante e eu acredito mesmo que seja um livro divertido! \o/

    http://quasedemanha.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também vi muita gente falando mal e até fiquei meio desinteressada. Mas ai comecei a ler e amei, haha. <3

      Beijos!

      Excluir
  7. Oie!
    Achei a resenha do livro bem interessante, talvez as pessoas em geral não deem nota alta por ser um livro diferente e por já estarem sempre acostumada com as mesmas histórias!
    Eu curti a proposta da história!

    Beijos!
    Blog Bianca Schultz

    ResponderExcluir
  8. Olá Beatriz.
    Tão bom quando não esperamos tanto de um livro seja quando iniciamos a leitura ou no decorrer da mesma, mas de repente tudo muda não é?
    Este livro, segundo sua resenha é deste tipo, o que me faz ficar bastante interessado em conhecer completamente a história.
    Até mais. http://realidadecaotica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Oii, ainda não tinha lido nenhuma resenha do livro, achei o título super legal e adorei tua resenha, só acho que podia ter falado um pouco mais sobre a históri, mas, pretendo ler e descobrir mais por mim mesma :D bjs
    www.monicadk.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu tento falar só o essencial para não estragar a leitura de quem se interessar pelo livro e acho que o mais legal e descobrir coisas inéditas durante a leitura. Mas obrigada pela dica, Mônica. :D

      Beijos!

      Excluir
  10. Interessante! Eu gosto de histórias que sejam mais espontâneas e a sua resenha mostra que o autor fugiu do padrão drama romântico e isso é muito legal. Vai ficar na minha wishlist... =]

    Bjo bjo

    ResponderExcluir