14 junho 2013

Eu li: Memórias Fictícias


Memórias Fictícias foi escrito pela Carina Corá, publicado pela Editora Novo Século e possui 208 páginas.

Memórias Fictícias conta a história de Coralina de Lilá, Bianca Giacomina, Tarsila  e Érus.

Coralina é uma garota que já perdeu a vontade de viver a vida sem graça que sempre levava e é por isso que ela acredita nos sonhos, e é uma admiradora da natureza. Para ela a natureza é uma coisa única, um das únicas coisas que fazem ela esquecer das dores e da vida. Tarsila é a mãe de Coralina. Tarsila foi abandonada pela mãe logo pequena. O marido a deixou sozinha com Coralina e ele teve que batalhar para conseguir manter a menina. Num determinado dia, Irmã Bianca Giocomina  liga para Tarsila e a convida para trabalhar e morar em sua casa. Tarsila não pensa duas vezes e logo vai. Assim Coralina poderia ter amigos e ela poderia ganhar dinheiro com o trabalho. Érus é um prisioneiro de suas própria idéias e fantasias. Um rapaz com a mente conturbada e que vive somente das suas histórias e que esqueceu de viver a vida real. 

O livro é divido em 4 diários, cada um contado por um personagem diferente. O começo do livro é bem calmo, já no meio a gente percebe que a história ficou mais densa, mais complexa. No final, a gente tem uma surpresa e um final bem conturbado. Quando você vai chegando ao final do livro e analisando melhor a história você até esperaria que o final fosse aquele, mas como é um livro, a gente espera um coisa bonitinha ou um final feliz. Em memórias fictícias não é bem assim. Eu torcia para dar tudo certo entre Érus e Coralina,  mas infelizmente, Érus era uma pessoa problemática e perturbada. 

Esse livro me deixou intrigada. Não sei dizer o porquê mas senti uma coisa estranha quando acabei de ler ele. E por isso eu foi a resenha mais difícil que eu tive que escrever. Acho que Memórias Fictícias é um livro para ler lido e sentido. Não adianta eu escrever que o livro é isso ou aquilo, acho que cada um que lê vai tem uma idéia diferente.

O livro é muito bem escrito e não achei nenhum erro. Só senti falta de mais detalhes,mas isso não interfere no entendimento da história. É um livro muito bom e bem escrito. Recomendo.


É isso, espero que tenham gostado.
  1. Parece ser um livro bem forte, denso como tu disse!

    Na verdade os livros que mais me marcam, mais me tocam são justamente esses, então aposto que eu gostaria de "Memórias Fictícias".

    Apesar de não gostar de finais tristes às vezes temos que dar o braço a torcer e assumir que na maioria das vezes esses são os que mais nos marcam!

    Beijinhos!
    www.blogdaruiva.com

    ResponderExcluir
  2. Gostei muito da capa e do que você disse sobre o livro. Vou confessar-lhe que interesso-me muito por livros que o final não é um "felizes para sempre". Gosto de finais fortes e não tão felizes, assim parece ser mais real.
    Memórias Fictícias parece ser um bom livro.
    xxx

    ResponderExcluir
  3. Oi flor, tudo bem? *-*

    Primeiramente quero te agradecer pelo comentário no Di Moça! Ainda não terminamos a reforma mas torço para que logo eu possa voltar para o blog e visitar você também!

    Nossa, o livro parece ser bem tenso, meio drama né? Acho que imagino o final do livro, com um personagem conturbado (devo ficar com pena da Coraline?). Os personagens são bem problemáticos, cada um com seus problemas fortes que passam de mãe para filha, né? Gosto de livros assim, me faz refletir e - como você disse - me faz sentir.
    Gostei muito da sua resenha!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Meme pra você lá no meu blog :)

    ResponderExcluir
  5. Amei a capa, queria ver mais sobre a diagramação Bianca. Ah, adorei a resenha ;) Beijão!
    http:umsenhorpalhaco.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Acho que não leria. Não depois do que eu vi na sua resenha porque já percebi que seria um livro que eu deixaria sempre como segunda opção, nunca chegando realmente a lê-lo.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  7. Ainda não tinha ouvido nada sobre esse livro, a capa é linda ^^

    Venha participar do nosso sorteio ;)

    ResponderExcluir
  8. Não conhecia o livro, só soube dele mesmo quando você postou sobre a parceria com a autora e desde aquela postagem eu já não havia me interessado muito, mas decidi esperar por sua resenha para saber mais sobre o livro.

    Eu não leria, não é um tema que eu goste, a sinopse já não foi tão atrativa, o enredo - pela sua resenha - também não.
    Livros, todos, precisam ser sentidos, alguns mais outros menos, mas nos casos do 'mais', você precisa estar na mesma vibe do livro, senão não rola e, enfim, acho que não iria gostar tanto desse livro.

    Beijos,
    Letícia - Literature Diary

    ResponderExcluir
  9. Que capa linda desse livro, já me ganhou por isso dae! Me deixaria intrigada e interessada no livro o fato dos 4 diários diferentes. Sempre gosto de ler livros que o personagem conta sua versão ou vários contam tal versão da história, mesmo que não é todos que leio que são sempre assim, é super legal procurar de vez em quando, hehe!
    Beijos, Lari

    ResponderExcluir