Pin It button on image hover
01 dezembro 2017

Filmes que eu eu quero ver no cinema

Faz tanto tempo que eu não vou ao cinema que nem lembro mais qual foi o último filme que eu assisti. Não sei se foi só eu, mas senti que não tinha muitos filmes legais em cartaz nos últimos tempos. Mas agora com o fim do ano estão chegando alguns que eu quero muito assistir e fiz uma listinha para compartilhar com vocês.

EXTRAORDINÁRIO



Auggie Pullman (Jacob Tremblay) é um garoto que nasceu com uma deformação facial. Pela primeira vez, ele irá frequentar uma escola regular, como qualquer outra criança. No quinto ano, ele irá precisar se esforçar para conseguir se encaixar em sua nova realidade.


ASSASSINATO NO EXPRESSO DO ORIENTE



Várias pessoas estão fazendo uma viagem longa em um luxuoso trem. A paz, entretanto, é perturbada por um acontecimento sinistro: um terrível assassinato. À bordo da composição está ninguém menos que o mundialmente reconhecido detetive Hercule Poirot (Kenneth Branagh) que se voluntaria para iniciar uma varredura no local, ouvindo testemunhas e possíveis suspeitos para descobrir o que de fato aconteceu. 


Dos dois filmes o que eu mais estou ansiosa para assistir é o extraordinário que é uma adaptação literária que tem tudo par ser incrível. Se você ainda não conhece a história de Auggie tem uma resenha bem antiga aqui mas que mostra o quanto eu gostei do livro. O filme estreia dia 07 de dezembro. ♥

Acompanhe também no:

21 novembro 2017

Livros novos na estante

Por mais que a gente leia ou compre livros novos de tempos em tempos a listinha de desejos nunca diminui, né? Eu estava louca pelo novo livro do John Green e quando vi uma promoção do Submarino onde comprando 3 ou mais livros cada um sairia poe 16 reais eu não pensei duas vezes. Comprei o tão aguardado "tartarugas até lá embaixo" e mais a série da Jenny Han que eu estava louca para ler. Ainda aproveitei para comprar "estamos bem" que era outro livro que eu queria muito da Plataforma 21. 






Além dos livros comprei o queridinho Your Name ou Kimi no na wa que foi inspirado num filme e já estou ansiosa para ler apesar de já conhecer a história. Achei a edição tão bonita que tive que colecionar. ♥

Agora queia saber de vocês: qual livro eu resenho primeiro aqui no blog?

Acompanhe também no:

16 novembro 2017

Coisas que aprendi com um relacionamento


Estar num relacionamento é ao mesmo tempo maravilhoso e complicado. O casal precisa se entender e estar em sintonia para dar tudo certo e a gente sabe nem sempre vai ser mil maravilhas, né? Mas a gente aprende muito e aqui vão algumas das coisas que eu aprendi estando num relacionamento.

Seja amigo do seu amor

Depois que eu comecei a me abrir mais com meu namorado eu acho que nosso relacionamento melhorou em uns 80%. Hoje somos super amigos e eu falo de TUDO com ele. Não tem mais insegurança ou receio de falar alguma coisa. O bom é que sempre rola umas brincadeirinhas e o relacionamento fica mais leve.

Procure entender o outro

Eu acho que conversa é a base de tudo. Sempre vai rolar uma briguinha ou algum desentendimento e conversar e entender é o outro sempre resolve. Muitas dessas briguinhas acontecem por motivos bobos e é fácil de resolver quando os dois estão dispostos a uma conversa.

Estar em um relacionamento não é estar preso

Muita gente acha que vai parar de sair, conversar com os amigos e ter vida própria quando começar a namorar e acho que esse é o pior erro que você pode cometer. Dá sim para namorar e continuar vendo os amigos, saindo e tendo um tempinho livre, é só saber administrar tudo isso certinho.

Não procure o que você não quer ver

Nesses tempos de redes sociais é difícil não dar uma stalkeada e se você não quer ver algo, não procure. Uma curtida no facebook, um comentário na foto e até mesmo uma mensagem no whatsapp pode virar uma bola de neve então evite procurar coisas que podem resultar em brigas. Respeite o outro também, não tem nada mais chato que ter a outra pessoa querendo investigar o que você está fazendo.  

Peça desculpas

Eu sei que é complicado a gente admitir que errou mas pedir desculpas e reconhecer os erros deixa qualquer relação mais leve. Isso eu e o Alan aprendemos na marra e hoje a gente sempre pede desculpa e conversa muito até ficar tudo bem de novo.

Terminar um relacionamento não é o fim do mundo

Eu já passei por um término e foi HORRÍVEL! Eu sempre ficava na bad e me maltratava lembrando de alguns momento, vendo fotos e coisas do tipo. Mas depois de um tempo a ficha cai e a gente vai aprendendo a lidar e vê que era besteira achar que o mundo acabaria no momento que levou um pé na bunda. Então, calma que no fim tudo se resolve. 

Acompanhe também no: